Mudanças no Barão

Hoje, o Barão Vermelho, que voltou recentemente à ativa e está preparando um novo disco, divulgou um comunicado oficial anunciando a saída do baixista Rodrigo Santos.

Diz a nota, na íntegra: “Devido à incompatibilidade de agenda e projetos pessoais, o baixista Rodrigo Santos, na banda desde 1992, deixa o Barão Vermelho para se dedicar integralmente à carreira solo. O Barão Vermelho segue com: Guto Goffi e Maurício Barros, fundadores da banda; Fernando Magalhães, no grupo desde 1985, e Rodrigo Suricato (2017). Os ” barões ” estão fazendo ensaios para escolher o baixista que vai acompanhá-los nos shows da turnê que segue pelo país e preparam um novo álbum de inéditas previsto para o primeiro semestre de 2018. Boa sorte a todos nesta nova fase !”

Em sua página no Facebook, Rodrigo Santos escreveu: “Gente,  compartilhando aqui nas minhas redes sociais, o comunicado oficial da página do Barão – que escrevemos juntos – sobre a minha saída da banda . Fiz o último show em Curitiba 10/11 e foi um grande show, emocionante. Sentirei saudades de todos esses caras fantásticos, a quem amo tanto. Sucesso a todos nós !!”

Rodrigo Santos, foi o terceiro baixista do Barão Vermelho. O primeiro foi Dé Palmeira, do início da banda até 1990; depois Dadi Carvalho, de 1990 até 1992; e Rodrigo Santos, desde 1992.

Outra mudança recente que passou o Barão Vermelho foi a saída do Roberto Frejat e a entrada de Rodrigo Suricato. Da formação original estão Guto Goffi e Maurício Barros.

 

Fabricio Mazocco

Fabricio Mazocco é jornalista, doutor em Ciência Política, professor universitário, fã de rock e criador do blog Rock 80 Brasil.

https://www.facebook.com/fabricio.mazocco

Deixe uma resposta

Top