MadeIn – “Exagerado”, do Cazuza

Por trás de uma grande canção, sempre há uma boa história. Assim também aconteceu com "Exagerado", do Cazuza, que marcou o início de sua carreira solo, logo após sair do Barão Vermelho.Conforme foi mostrado pelo programa "Por trás da canção", do Canal Bis (excelente programa, diga-se por sinal), antes mesmo de

MadeIn – “Perto do Fogo”, da Rita Lee

Meados de 1989. Cazuza sofria muito com as consequências da aids. Os pais, Lucinha e João Araújo, não mediam esforços para fazer o que puderem para ver a melhora da saúde do filho.Lucinha conta no livro "Só as Mães são Felizes", que Cazuza, ela e mais uma equipe que ajudava nos

MadeIn – “Blues da Piedade”, do Cazuza

Naquele ano de 1987 ainda se suspeitava do que realmente estava acontecendo com a saúde de Cazuza. Já em carreira solo, Cazuza estava sedento por novas músicas, mas ao mesmo tempo vivia o drama de conviver com uma doença até então pouco estudada e com poucos remédios. Lucinha Araújo conta

MadeIn – Núcleo Base, do Ira!

"Eu tentei fugir, não queria me alistar. Eu quero lutar, mas não com essa farda". Quem é que nunca cantou esses versos e ainda depois aumentava a voz no final da frase?!!! Esses versos fazem parte da letra da música "Núcleo Base", do Ira! e está no primeiro LP lançado

MadeIn – Quatro Coiotes, do RPM

Cada música, além de passar uma (ou mais) mensagem geralmente tem sua própria história. Elas são arte e por isso não são criadas ao acaso: há sempre um (ou mais) motivo. Assim também acontece com uma das bandas referências no nosso Rock 80 Brasil.O RPM desfrutava de todo sucesso possível

Made In – Como eu quero, do Kid Abelha

Eles já foram Kid Abelha e os Abóboras Selvagens, depois Kid Abelha, mas independente do nome sempre estiveram nas parada de sucesso do Rock 80 Brasil.Lá no início da década de 80 (assim como nas décadas anteriores), era comum o artista ou banda primeiro lançar um single (normalmente um disco

Top