Encontros – Barão Vermelho e Caetano Veloso

O Barão Vermelho lançou seu primeiro disco em 1982. Foi uma produção simples, mas com muito rock n’ roll e muita poesia. Os jornais criticaram, muitos nem deram bola, mas Caetano Veloso, um dos nossos astros da MPB cantou “Todo amor que houver nessa vida” em um de seus shows. E mais: disse que Cazuza era um poeta. Pronto, foi o suficiente para a crítica rever seus conceitos e então Barão Vermelho decolou. No vídeo abaixo, de 1983, Caetano sobe no palco do Barão Vermelho e canta “Eclipse oculto”, música que está no disco “Uns” de Caetano, lançado em 1983. 

Fabricio Mazocco

Fabricio Mazocco é jornalista, doutor em Ciência Política, professor universitário, fã de rock e criador do blog Rock 80 Brasil.

https://www.facebook.com/fabricio.mazocco

Deixe uma resposta

Top