Outra batida – Lobão e Nelson Gonçalves

“O rock errou”, disse Lobão em uma época em que o rock era mania e preferência nacional. Dizer que o grande Lobo andava na contramão é errar de direção. Lobão priorizou a mistura de ritmos e sempre deu samba. Em 1988 Lobão grava com o cantor Nelson Gonçalves a música “Deusa do Amor”, que está no álbum “Nós”, de Gonçalves. O encontro foi memorável, conforme Lobão narrou em seu livro. “Você sou eu ontem” teria dito Gonçalves para Lobão. Além de boas histórias, esse encontro gerou uma linda música, um bolero a la Nelson Gonçalves e com uma pitada de Lobão.

Fabricio Mazocco

Fabricio Mazocco é jornalista, doutor em Ciência Política, professor universitário, fã de rock e criador do blog Rock 80 Brasil.

https://www.facebook.com/fabricio.mazocco

Deixe uma resposta

Top