Entrevista – Leoni

Leoni realmente está a jato. Show, internet, discussão de blogs, parcerias… o músico e compositor não para e sempre está com novidades para seu público. Em entrevista exclusiva ao blog Rock 80 Brasil, Leoni falou sobre o papel do artista com a internet, o concurso de composição, o projeto de parcerias e muto mais. Confira a seguir:

As redes sociais estabelecem uma nova relação entre artista e público.
Leoni: Antes da internet,e da possibilidade de contato direto entre público e artista, quem não tivesse uma gravadora e muito investimento não podia sonhar em ter uma carreira. Hoje em dia o caminho está aberto. É muito mais democrático. É claro que todos têm que trabalhar muito mais para chamar a atenção das pessoas dentro desse mar de informação, mas é um preço barato a ser pago em troca de uma carreira.

Recentemente você se colocou publicamente contrário à cobrança pelo Ecad de uso de vídeos do youtube em blogs. Como fica o papel do artista nesta nova forma de divulgação do seu trabalho?
Leoni: Show e internet são as únicas formas que conheço hoje em dia para se construir uma base sólida de fãs. Temos que estar na rede, interagindo com as pessoas. Muito mais gente hoje é artista, já que as ferramentas foram dadas. Em termos políticos, acredito que qualquer cidadão hoje em dia tem a possibilidade de se fazer ouvir. Quantos movimentos sociais foram iniciados por conta da comunicação que a internet proporciona? O artista, por ter um pouco mais de voz, tem o dever de tentar criar um mundo melhor e mais justo. A divulgação é só uma das possibilidades de utilização das redes sociais. Não entendo artista que acha que perdeu o “status” porque agora tem que se relacionar com o público.

Como surgiu a ideia de fazer uma música usando as redes sociais para encontrar um parceiro?
Leoni: Já é meu quarto concurso. Foi um pedido da turma que frequenta meu site. Fui aprimorando a forma de realizar. Com a utilização do Twitter e do Facebook a repercussão foi infinitamente maior e tivemos quase 300 inscrições.

Depois de escolhida a música, qual será o próximo passo?
Leoni: Vou aprimorar a letra com o meu parceiro, gravar e lançar com single no iTunes e outras lojas virtuais. E é claro que vou dar no meu site.
Esse tipo de processo deverá ser para você uma exceção ou uma prática? Podemos esperar mais “parcerias” como essa?
Leoni: Vez por outra vou voltar a essa história. O problema é que dá um trabalhão danado.

O que podemos esperar do Leoni neste ano?
Leoni: Vou lançar um EP de Parcerias que gravo no fim desse mês. Na pré-venda vou oferecer muitas novidades além do próprio CD autografado, como participar de uma faixa cantando num coro, receber as demos das canções de graça no momento da compra de qualquer pacote e muito mais. Quero lançar show novo depois do encerramento da turnê “A Noite Perfeita” em São Paulo (no show que resultou de um projeto de crowd-funding – financiamento pelo público). E ainda tenho muitas outras cartas na manga, mas vou contando aos poucos.
Fabricio Mazocco

Fabricio Mazocco é jornalista, doutor em Ciência Política, professor universitário, fã de rock e criador do blog Rock 80 Brasil.

https://www.facebook.com/fabricio.mazocco

Deixe uma resposta

Top