Ritchie – com tudo em ’60’

Hoje o BRock comemora o lançamento do disco “60” de Richard David Court. Não conhece? Claro que sim. Estamos falando de Ritchie, o flautista-vocalista que teve um papel importante no nosso rock nacional da década de 80 e que, mais uma vez, está provando que ainda tem muito a fazer.
Nascido no sul da Inglaterra, Ritchie veio para o Brasil em 1972. Um admirador de Mutantes e Raul Seixas, em 1973 participou da banda Scaladácida. Depois foi tocar flauta na banda Barca do Sol. Aí veio o convite para integrar o Vímana, mas aqui ele postava de vocalista. Banda desfeita Ritchie saiu do Brasil, voltou e com Bernardo Vilhena passou a compor. Com uma fita cassete gravada, a CBS o contratou, lançou o compacto “Menina Veneno”, que estourou em todo o Brasil, e em seguida o LP “Voo do Coração”, que Dapieve conta que vendeu mais de 700 mil cópias. Neste disco a canção “Casanova” estava na abertura da novela da TV Globo Champagne. Depois vieram outros discos, mudança de gravadora e a banda Tigres de Bengala.
Agora, prestes a completar 60 anos, Ritchie lança o álbum “60”. O disco é um apanhado de canções da década de 60, período este de grande importância para a carreira musical do cantor, que nesta época crescia em terras inglesas. São canções não tão conhecidas dos brasileiros, mas ricas em todos os sentidos. Agora é só apreciar, sem moderação!

Fabricio Mazocco

Fabricio Mazocco é jornalista, doutor em Ciência Política, professor universitário, fã de rock e criador do blog Rock 80 Brasil.

https://www.facebook.com/fabricio.mazocco

Deixe uma resposta

Top