Encrencas do rock – Lulu Santos e Vímana

O Vímana deveria ser a primeira grande banda do rock 80 Brasil, mas não foi. Formada no final de década de 70, chegou a ter contrato com gravadora, mas não chegou a lançar nenhum LP Lançou o single “Zebra”). Desavenças fizeram com o que o grupo terminasse antes de realmente começar. Sorte do BRock, pois da banda vieram grandes medalhões do nosso rock: Lulu Santos, Ritchie e Lobão. O primeiro a deixar a banda foi Lulu Santos e não foi de forma tão amigável.
Em sue livro, Lobão conta que a Vímana era aquela banda que todas queriam fazer parte: roadies próprio, viviam para a música, dividiam o mesmo espaço e assim vai. Quando o grupo parecia sair do underground, eis que surge na vida da banda Patrick Moraz, que havia saído da sua banda: Yes. Ele veio com uma proposta de montar um grupo e alçar voo internacional. Tentador, não?! Depois de uma reunião o grupo desiste do contrato com a gravadora e aceita a proposta.
Tudo parecia ir muito bem, mas Patrick começa a mudar a banda da forma que gostaria e quem entra na sua mira? Nada mais, nada menos que um dos “cabeças” do grupo, o guitarrista Lulu Santos. Dapieve conta que Patrick fez a cabeça dos outros integrantes e assim Lulu foi expulso do grupo. A desculpa foi que Lulu Santos não sabia tocar bem guitarra (péssima desculpa, né?!). Assim Lulu foi atrás de seu espaço e conseguiu. Pouco tempo depois Vímana desaparecia por completo, deixando aquela sensação de que poderia ser algo que não foi.
Fabricio Mazocco

Fabricio Mazocco é jornalista, doutor em Ciência Política, professor universitário, fã de rock e criador do blog Rock 80 Brasil.

https://www.facebook.com/fabricio.mazocco

Um comentário em “Encrencas do rock – Lulu Santos e Vímana

Deixe uma resposta

Top